Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

INFORMAÇÃO E (DES)INFORMAÇÃO

Sou um apaixonado pela comunicação enquanto ciência, processo e técnica. Gosto de consumir noticias, ler jornais (muitos e diversos), ver e ouvir espaços noticiosos, analisar a opinião publicada. Não me incomoda ler ou ouvir opiniões diferentes da minha, desde que fundamentadas e assumidas, de preferência alicerçadas em conhecimento para que eu possa aprender algo mais, uma vez que ninguém sabe tudo de nada. Talvez por ter esta postura me indigne a ignorância transformada em sentença irrefutável, muito típica de todos os especialistas de pacotilha. A este propósito a diretora da edição de ontem da revista  Notícias Magazine, Catarina Carvalhoescreveu um texto que, com a devida vénia, transcrevo parcialmente: "  As redes sociais abriram-se a qualquer um que queira mandar uns bitaites, dando palco igual a quem sabe e a quem não sabe da matéria - a origem das famosas noticias falsas é precisamente essa, e a aparência da verdade é idêntica à aparência do saber.Mais, as redes cibernétic…

Últimas postagens

FOI HÁ UM MÊS …

PERGUNTAR NÃO OFENDE

“PROTEÇÃO CIVIL JÁ É ARMA DE ARREMESSO POLITICO”

LIÇÕES DA CATÁSTROFE DE PEDRÓGÃO GRANDE

CIENTISTAS ANALISAM INCÊNDIOS FLORESTAIS

É TEMPO DE REESTRUTURAR

FAZER ACONTECER SUCESSO

TÍTULOS DE JORNAIS

AMEAÇAS AO CIBERESPAÇO

VITÓRIA DO CONTEÚDO